Museu de Rua – Construindo Espaços Museais Populares

Captura de tela 2013-10-20 às 03.22.04

Clique na imagem para ver o vídeo do projeto.

Projeto Espaços Museais Populares Hohendreff – Parque Itapema Vila União – São Leopoldo-RS

O Projeto em andamento intitulado Escola Hohendorff – Vila União e Parque Itapema Construindo Espaços Museais Populares, compoem-se de numa gama de atividades voltadas ao resgate e valorização da memória das comunidades do entorno da escola: Vila União e o parque Itapema. Este projeto teve seu início a partir do âmbito escolar, nas disciplinas de Geografia , História e Artes.

Tendo como foco, o resgate da história recente, a partir da abertura democrática brasileira, vem consolidando atividades que visam resgatar a história da ocupação do espaço e seus movimentos de luta pelo lugar através da reconstrução histórica pelos sujeitos moradores do bairro. Através do fomento de atividades culturais e pesquisa que possibilitem a leitura crítica da realidade bem como o despertar do pertencimento ao lugar, estamos realizando a pesquisa e sistematização de informações históricas.

Constituindo-se o entorno da escola, de espaços urbanos caracterizados pela luta pelos direitos básicos de todo o cidadão, o resgate desta história datada inicialmente nos anos de 1980, resgata também a história brasileira, dos movimentos sociais. E, portanto, é imprescindível a conclusão do mesmo visto que vivemos em um país que até hoje renega o direito a classe social menos favorecida de ter o que lembrar.

Uma das atividades finalizadas é o “Museu de Rua”, que foi projeto desenvolvido em 2011 pela E.M.E.F Prof. João Carlos Von Hohendorff na modalidade de ensino EJA (Educação de Jovens e Adultos), nos saberes Geografia, História e Artes, em parceria com a comunidade Vila União e lideranças das Comissões que organizaram a ocupação que originou o território Vila União.

Este projeto visou resgatar e concretizar uma exposição da história da luta pela moradia na Vila União. Da difícil arte de ocupar um lugar ao torná-lo lugar no mundo, lugar do mundo.

Para tornar esse projeto realidade foi necessário muita pesquisa nas fontes históricas e organização dos dados gerados. As fontes históricas investigadas foram: O Jornal VS, análise de fotos antigas cedidas pela comunidade, entrevistas e também a realização de rodas de memórias (encontros visando resgate da história vivida através do registro em audio e posterior reescrita dos mesmos).

A estrutura do Museu de Rua constitui-se de material escolar (classes danificadas) que foram desmontadas e reinventadas pelos alunos da EJA, transformando-se na base da exposição.

Mais informações no Blog Espaços Museais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s